segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

CAMINHO TRISTAN TZARA




que rua é esta que nos separa
ao longo da qual seguro a mão

dos meus pensamentos
uma flor está escrita na ponta

de cada dedo
e o fim da rua é uma flor que

caminha comigo